domingo, 5 de outubro de 2008

A expectativa chega ao fim

Resultado final das eleições em Limeira para vereador:

PDT-PSL-PRP
Eleitos: Eliseu Daniel, Carlinhos Silva, Farid e Silvio Brito
Suplentes pela ordem: Serginho Sterzo, Dr. Fausto, Dr. Carlos Ferraresi e Carlos Rossler

PR-PTN-PSDC-PRTB-PHS-PTC
Eleitos: Miguelzinho Lombardi, Mario Botion e Piuí
Suplentes: Darci Reis, Lú Bogo e Toninho do Varejão Franco

PT-PSB
Eleitos: Ronei Costa e Paulo Hadich
Suplentes: Aloizio e Tarcílio Bosco

PTB-PRB-PP-PPS-PCdoB
Eleitos: Elza Tank e Nilce Segala
Suplentes: Prof. João Alberto, Paulo Barbosa

PMDB
Eleito: Dr. Raul
Suplente: Pr. Nilton Santos

PSDB-DEM-PSC
Eleito: Almir Santos
Suplente: Wagner Barbosa

PV-PTdoB
Eleito: César Cortez
Suplente: Iraciara Bassetto

Uma câmara renovada em pouco menos que a metade, 6 vereadores, se bem que Ronei já era suplente e chegou a exercer ainda que por curto período a vereança.
A oposição perde 1 vereador (do PT) e agora conta com apenas 3 vereadores, mas ainda teremos que aguardar o comportamento de Almir que foi situação durante boa parte do mandato e dos novatos Ronei (que já demonstrou ser oposição de fato) e Paulo Hadich, que durante sua campanha sequer ostentava o nome de Osmar Lopes como candidato a prefeito.

Destaques positivos para meu amigo João Alberto que conseguiu cumprir exatamente o planejado e teve uma votação apesar de pequena em números absolutos, na minha opinião surpreendente. Fica aqui de público minha congratulação e a expectativa para que assuma uma cadeira com a ausência de alguma das vereadoras eleitas em sua coligação, há boas chances de isso acontecer.

O PT bateu cabeça, dividiu muitos votos, Roberto Dias dividiu votos de José Carlos Pinto e Nelson Caldeiras e no final não elegeu nenhum dos 3, nem na suplência direta o que demonstrou uma tática extremamente equivocada. Parabéns ao Ronei que na última eleição bateu na trave perdendo a vaga por 2 votos (se empatasse perderia pela idade).

Derrotados

Dr.Joaquim Raposo - pecou por tentar enganar a população por conquistas que afirmava serem deles e promessas que foram desmentidas pelo próprio governador acabou amargando a quarta suplência, subestimou a inteligência dos eleitores e foi o maior derrotado.

Dr. Carlos Ferraresi - Fez um mandato apagado e pouco se ouvia falar dele, seja em matérias de jornais, seja no meio político, na minha opinião não era do ramo e não se adaptou, ficou com a terceira suplência numa chapa forte, mas teve um grande revés na votação que o elegeu em 2004.

Dr. Fausto - Foi suplente na última, continua suplente nessa, mas dessa vez atrás de Serginho Sterzo.

Iraciara Bassetto - Trocou de partido e foi engolida por César Cortez, que ganhou muita força com sua campanha para Dep. Federal e sua exposição e mídia no começo do ano com aquela encenação de se lançar como candidato das oposições ao Prada. Se tivesse se mantido no PPS estaria eleita, uma vez que a Nilce Segala reduziu seu eleitorado a menos da metade, só se elgendo devido à explosão de votos de Elza Tank, cacifada com essa votação de ser a herdeira natural da administração de Silvio Félix em 2012, mas antes deverá tentar eleger-se novamente à Dep. Estadual.

Tarcílio Bosco - Foi surpreendido por seu próprio companheiro de partido, não conseguiu repetir a excelente votação de 2004 e acabou amargando a segunda suplência.

José Carlos Pinto - Como já disse antes, houve um erro de estratégia dentro do próprio PT e acabou sucumbindo à seus companheiros, a Câmara perde em qualidade com sua saída, mas o PT continua bem representado na câmara.

IURD - A IURD (Igreja Universal do Reino de Deus) que havia eleito Otoniel em 2004, tentou emplacar Nilton Santos que pecou na escolha do partido e acabou sucumbindo aos caprichos de Pilon, que fez de tudo para tentar voltar a câmara, na minha opinião jogando sujo até com seus colegas, mas no fim Nilton Santos fica com a primeira suplência.

Pilon - Mais uma vez foi derrotado pelo fraco desempenho de seu partido de forma geral, apesar de se utilizar de meios no mínimo duvidosos, como ocupar por várias vezes todo o tempo do horário destinado aos candidatos a vereador do PMDB, que acabou contribuindo por sua própria derrota, pois em campanha proporcional o coletivo vale mais que o individual, um só ganha quando todos ganham.

Vencedores

São vencedores os mais bem votados desta eleição Elza Tank (deve ter gente se arrependendo de não ter aceito coligação com o PTB dessa vez!), Eliseu Daniel e César Cortez, todos praticamente dobraram a votação de 2004.
Resta saber o seguinte, eles conseguirão se compor em 2010 para a campanha de deputado? Quem será o sucessor de Félix em 2012, Eliseu Daniel ou Elza Tank (não acredito que Cortez tenha o perfil do sucessor)?

Seja como for o quadro em 2 ou 4 anos, os grandes vencedores dessas eleições foram estes 3.

Surpresas

Paulo Hadich, Mario Botion e Silvio Brito foram as maiores surpresas desta nova câmara, os dois primeiros por não concorrerem em 2004 e se elegerem e Silvio Brito pelo excelente crescimento em relação à última eleição.
A grande incógnita ficará por conta de Paulo Hadich, tenho dúvidas quanto a seu comportamento em relação à administração municipal, os demais infelizmente deverão seguir na linha de subserviência que a Câmara apresentou nos últimos 4 anos, chegando ao intolerável, beirando o autoritarismo para com a minguada oposição.

Gostaria de parabenizar Ronei Costa, pelo merecido reconhecimento da população na perseguição que sofreu pelo simples fato de cumprir sua prerrogativa constitucional de fiscalizar o executivo, sofrendo sanções absurdas por parte de seus pares que deveriam apoiá-lo no ato de fiscalização e não puni-lo por tentar fazer com que a câmara não seja submissa, pois apoiar o governo é bem diferente se submeter-se às suas ordens (como no absrudo caso da taxa de luz!).

Infelizmente a expectativa para a nova câmara não é das melhores, espero que os vereadores eleitos honrem seus eleitores e todos os eleitores de seus pares em suas coligações que os ajudaram a elegê-los, e que cumpram fundamentalmente sua tarefa de fiscalizar os atos do executivo e que respeitem a oposição, pois também foram legitimamente eleitos para representarem parcela não menos importante da população.

3 comentários:

Anônimo disse...

teste

Anônimo disse...

teste

lilian disse...

oi